Como preparar uma viagem zen para toda a família

Familia em passeio zen

Pode não ser tão fácil quanto aparenta, mas é seguramente um desafio. Preparar uma viagem zen é um hábito que pode mudar a sua vida e requer alguns cuidados para que tudo corra pelo melhor. Saiba como preparar uma viagem zen para toda a família e tenha uma aventura inesquecível.

Inclua toda a gente nos preparativos

Uma vez que a viagem será para toda a família uma boa técnica é incluir todos os membros da família nos preparativos. Não chame a si a exclusiva responsabilidade de escolher destinos, delinear itinerários e determinar locais para a estadia. Uma viagem zen é uma viagem especial, deixe que todos tenham possibilidade de tomar parte ativa nos preparativos dessa situação diferente.

Defina o conceito de “zen”

Primeiro há que definir ao certo o que você e a sua família consideram como “viagem zen”.
Entendem “zen” como tranquilidade, repouso para o corpo e para o espírito?
Estão interessados em retiros espirituais, montanhismo, alpinismo, explorações em locais místicos?
O que esperam dessa viagem? Enriquecimento cultural? Valorização da mente?
Pensem bem o que desejam para a vossa viagem zen, e depois disso ponham mãos à obra na tarefa de selecionar destinos.

Faça uma boa pesquisa sobre destinos zen

Para que a viagem seja verdadeiramente zen convém que você tenha conhecimento do maior número de ofertas disponíveis de locais zen a visitar.
Informe-se com detalhe sobre cada uma das possibilidades, distâncias, custos de deslocação, passeios alternativos nas imediações, hotéis ou pousadas, etc.
Só depois de terem em cima da mesa todas as opções você e a sua família poderão escolher em consciência, e com conhecimento de causa.

Informe-se dos custos envolvidos

Uma viagem zen para toda a família pode não sair muito económica. Convém que se colham informações credíveis sobre os reais custos envolvidos na viagem.
Assim que forem surgindo no horizonte os possíveis destinos a visitar, há que procurar saber a que distância se encontram, quanto importará levar o automóvel, se será vantajoso recorrer aos transportes públicos, etc.
Procure hotéis e pousadas para estabelecer relações de preços, descobrir onde se come, quanto se terá de despender em média com a alimentação diária da família.
São muitas as despesas a suportar, mas por vezes não é muito avultado o saldo disponível para gastar na viagem. Bom senso é muito recomendado.

Estabeleça metas intocáveis

Aconteça o que acontecer na viagem zen, tente sempre não ultrapassar o saldo que considerou suficiente para gastar na viagem. Não se desvie dos seus objetivos para que os resultados posteriores não sejam desastrosos.
As viagens zen podem ser uma novidade tão incrível na vida da sua família que todos vocês se sintam inclinados a gastar mais do que haviam pensado. Não compatibilize com essa situação.
A viagem zen pode de facto ser maravilhosa, mas vai terminar. As suas despesas mensais obrigatórias não terminarão, não se esqueça.

Procure relaxar e evite o stress

Os preparativos para uma viagem zen devem decorrer de forma zen. Afinal o stress e a ansiedade estão completamente postos de lado numa viagem que se quer tranquila e relaxante.
Não se enerve e não se desespere com os problemas de última hora que sempre acontecem quando planeamos uma viagem.
Seja paciente e racional porque tudo se consegue resolver, seja lá aquilo que for. Adote uma postura zen, desfrute da vida ao máximo e conseguirá programar uma viagem calma e fascinante.

Não deixe que confundam “viagem zen” com “viagem entediante”

Provavelmente você irá ter algum trabalho para convencer os membros mais novos da família a aceitarem de bom grado a possibilidade de uma viagem zen.
Os mais novos na impaciência natural da juventude confundem muitas vezes “zen” com aborrecimento e tédio. Você vai ter que lhes fazer ver que uma viagem zen é uma boa ideia para passar tempo de qualidade com eles e não é de forma nenhuma um passeio onde se meditará o tempo inteiro, e no qual ficará sentado de pernas cruzadas dia e noite em reflexão.
Vença a predisposição para não gostar da viagem caso ela se comece a instalar na sua família. Uma das melhores partes de uma viagem são os planos que se fazem a pensar nela. Por isso não permita que a vossa viagem zen comece de maneira errada.

Preparar uma viagem zen para si e para a sua família pode ser muito divertido, caso haja o empenho e a boa vontade de todos. Pesquise bastante, informe-se bem junto de fontes credíveis, e desfrute em família de uma viagem certamente inesquecível e muito especial

Avaliação: