7 formas simples de desfrutar o Natal com a família

Natal é sinónimo de família e alegria em torno de uma mesa farta e um pinheiro ladeado de presentes, mas nem sempre estes convívios são fonte de relaxamento… podendo tornar-se verdadeiros pesadelos. Seja com familiares que vê ocasionalmente ou todos os dias, nem sempre é fácil lidar com a pressão da família e todas as emoções que ela implica na quadra natalícia, por isso, estes 7 dicas são sugestões para desfrutar da melhor forma possível o Natal em família.

  1. Mantenha uma atitude positiva. Se chegar a casa dos pais ou à festa de Natal da irmã com uma atitude rabugenta e derrotista, dificilmente irá divertir-se. No dia antes da festa e até no caminho até lá, convença-se que vai ser uma experiência positiva, um momento bem passado. Se sabe que vão estar lá aqueles familiares que estão sempre a bombardeá-lo com as mesmas perguntas ou as mesmas piadas, prepare as respostas com antecedência. Ao prever as situações que possa encontrar, está a ser realista, ou seja, vai saber exatamente com o que conta e quem sabe com o que conta, não sairá de lá dececionado. Para além disso, pode até divertir-se imenso!
  2. Divirta-se. A pior coisa que pode fazer num Natal em família é refugiar-se num canto, cabisbaixo e a pensar “quero ir para casa”! O Natal não vai passar mais depressa, nem a família se vai embora só porque está mal disposto. Em vez disso, aproveite para se divertir: ponha a conversa em dia com aqueles familiares que já não vê há muito tempo, brinque com os miúdos, tire fotografias – divirta-se! Afinal de contas, é Natal!
  3. Dê uma ajuda. Seja quem for o anfitrião ele ou ela vai adorar um pouco de ajuda: seja a levar comida para a mesa, a servir os alimentos, a levantar a mesa, a lavar louça, a certificar que todos tenham o copo cheio ou a entreter os miúdos, tudo ajuda. Você também se entretém e ainda faz alguma coisa útil.
  4. Faça uma pausa. Mesmo nas famílias mais unidas e divertidas, pode chegar o momento durante as comemorações de Natal em que tem de libertar-se da confusão ou das discussões, nem que seja por 5 minutos. Vá até à varanda, à casa de banho ou para uma divisão da casa que esteja vazia, aproveite o silêncio e descontraia antes de voltar para a festa. Não se sinta mal, tenha apenas cuidado com a forma como reage.
  5. Seja o Pai ou a Mãe Natal. Não precisa de vestir o fato de Pai Natal para divertir a família (embora isso seja sempre bem-vindo, especialmente pelos mais novos!), mas pode fazê-lo de várias outras maneiras: organize um caça tesouros para a família com chocolates de Natal ou então escreva pequenas mensagens de Natal para todos e coloque-as dentro dos casacos de cada membro da família sem eles saberem!
  6. Inaugure uma nova tradição. O Natal é sempre bom, mas pode tornar-se monótono, por isso, porque não criar, em conjunto com os restantes familiares, uma nova tradição? Algumas ideias incluem: confecionarem algo em conjunto (uns biscoitos ou uma decoração de Natal), tirarem uma fotografia de família com as pessoas sempre nos mesmos lugares para verem a evolução de um ano para outro, um passeio a pé depois do jantar, irem à missa do galo, uma maratona de filmes de Natal, fazerem um pequeno-almoço de Natal em vez de almoço… Uma nova e divertida atividade pode animar qualquer convívio de família na quadra festiva!
  7. Sente-se a observar. Ao longo do dia, pare, sente-se, relaxe e observe bem tudo aquilo que se passa à sua volta: a forma como os seus filhos brincam com os presentes novos, a maneira como as suas irmãs se divertem na cozinha, as histórias que a avó está a contar e as caras de quem a está a ouvir… e aproveite para refletir sobre tudo aquilo que de bom tem na vida, tudo aquilo pelo qual é grato.

Natal é família e a família, como todos nós sabemos, traz coisas boas e coisas menos boas, mas em tempo de festa há que saber fazer prevalecer o espírito da quadra – a harmonia, a paz e o amor. Faça a sua parte… desfrute e divirta-se!
Feliz Natal!

Avaliação: 
Ocasiões especiais: