3 formas de incentivar os seus filhos a serem mais saudáveis

Crinaça a correr e a jogar futebol

Vivemos numa era em que as crianças vivem coladas à televisão, às consolas de jogos, ao computador e à Internet… e isso é considerado “normal”. O que é “anormal” é ver as crianças a brincar lá fora, ao ar livre. Esta vida sedentária tem efeitos nocivos sobre a vida familiar, mas também sobre a saúde física, psicológica e emocional das crianças. Nunca foi tão importante passar tempo de qualidade com os nossos filhos e torna-se cada vez mais crucial que esse tempo de qualidade seja passado a fazer atividades salutares e ativas. Inspire-se nestas 3 ideias e incentive os seus filhos a serem mais saudáveis, hoje e amanhã.

1. Ofereça presentes “ativos”

Oferecer um presente que incentive as crianças a serem mais ativas não significa que tem de ir a correr comprar um Wii Fit – embora este possa ser um presente divertido e que cumpra o propósito, a verdade é que são as prendas mais simples aquelas que as crianças normalmente apreciam mais e das quais não se cansam tão facilmente. Algumas sugestões incluem:

  • Bola de futebol
  • Conjunto de voleibol para o quintal
  • Ténis de mesa/Ping pong
  • Conjunto de críquete
  • Cesto e bola de basquetebol
  • Luva e bola de beisebol
  • Frisbee/disco voador
  • Corda para saltar
  • Bicicleta
  • Scooter
  • Skate
  • Patins em linha
  • Hula hoop/arco
  • Papagaio
  • Equipamento para a pesca
  • Máscara e snorkel
  • DVDs de fitness divertidos e apropriados para a idade

Apesar de serem sugestões simples, cada um destes objetos estimula o movimento e a diversão, ao contrário de qualquer atividade sedentária que implica estar sentado no sofá. Apesar de algumas destas sugestões serem mais caras do que outras, a verdade é que todas cumprem o seu propósito e são aplaudidas até pelas crianças mais resistentes ao exercício físico

2. Sejam uma família ativa

Atualmente, as famílias passam pouco tempo juntas e talvez por isso mesmo a ideia de praticarem exercício físico em conjunto ou organizarem passeios ou férias ativas seja tão apelativa! A verdade é que pode ser algo tão simples como uma caminhada até ao parque da cidade numa tarde de sábado. Se quiser experimentar algo completamente diferente, porque não organizar um passeio em família que inclua rafting, montanhismo ou um percurso de bicicleta? Pode ser uma atividade pensada para uma manhã apenas ou para um dia inteiro, com um piquenique saudável incluído! Se quiserem ir ainda mais longe (literalmente!), existe sempre a hipótese de passarem um fim de semana fora, no campo ou na praia, o que para além de permitir o contacto com a mãe natureza e a realização de atividades ao ar livre, também será uma quebra bem merecida na rotina diária. Atividades como estas permitem a criação e o fortalecimento de laços entre toda a família – algo que resiste a uma vida inteira e que dificilmente será esquecido, mesmo depois das crianças terem crescido e se terem tornado adultos. Provavelmente vão criar o mesmo tipo de experiências com os seus próprios filhos… e isso não tem preço.

3. Cozinhem juntos

Algumas das memórias mais felizes que uma criança guarda para sempre são os momentos que passou na cozinha, de volta das panelas ou de um bolo, a ajudar a mãe. Ao envolver as crianças no processo de cozinhar poderá, para além de passar tempo de qualidade juntos, aproveitar para ensinar aos mais pequenos a importância de uma alimentação saudável, como criar e planear menus para o dia-a-dia ou para ocasiões especiais, como adaptar e alterar receitas de forma a torná-las mais saudáveis, a importância de saborear a comida, o prazer de desfrutar de uma guloseima sem sentimentos de culpa, as vantagens de uma alimentação saudável constante em detrimento das dietas da moda…

Hábitos saudáveis, vida saudável

Estas são três ideias simples que se traduzem em importantes lições de vida. Fáceis de colocar em prática irão, com o tempo, incutir nas crianças hábitos de vida saudáveis, ao mesmo tempo que permitem a criação de experiências em família salutares e a formação de memórias preciosas… para mais tarde recordar.

Avaliação: